Aos 390 anos completados nesta segunda-feira, 27, o Ver-o-Peso mantém o encantamento na gente e em quem chega por essas bandas. A feira, que guarda cores, sabores e saberes amazônicos, é também repositório de histórias de vida que já alcançam meio século ou mais. Famílias inteiras que, de geração em geração, vem mantendo a tradição da maior feira a céu aberto da América Latina. Gente como Dona Carmelita Rocha, por exemplo, que trabalha na feira há quase 50 anos. Na barraca, mais de 300 tipos de frutas, raízes, sementes e folhas da região. Todas com alguma propriedade medicinal, garante a própria Carmelita, cujo poder de observação é o responsável pelo crescimento do negócio: “Comecei vendendo banana, mas todo o cliente que chegava e pedia um determinado tipo de fruta eu anotava e depois colocava pra vender”, lembra ela risonha.

IMG_0829-800pxOutro que tem a história de vida ancorada no Ver-o-Peso é Ulisses Silva ou “Alemão”, para os amigos e fregueses. Ulisses cresceu, como se diz por aqui, “na Ilharga” da mãe, Conceição Silva, vendedora de açaí com peixe frito. Como não poderia deixar ser, Alemão herdou o ofício, que mantém a união e a família há três gerações. “Minha mãe criou cinco filhos com o trabalho no Ver-o-Peso. Hoje, todos nós trabalhamos aqui e já tem neto ajudando na barraca. Esse é o nosso emprego fixo e sou muito feliz por isso”, afirma um orgulhoso Alemão.

Dona Carmelita, Alemão e Dona Conceição são alguns dos feirantes convidados para participar do vídeo feito pela Griffo Comunicação para homenagear o aniversário da feira, que é mais que cartão-postal da capital paraense. É onde habita a essência paraense e a alma amazônica. O vídeo, embalado pela guitarrada de Félix Robatto (obrigada, Félix, pela liberação da música Amazon Sisserou!), mostra vários feirantes e os produtos comercializados por cada um. Nosso muito obrigado pela participação do Seu Armindo, Tieta, Patrício, Mayara, Seu Pedro, Vera, Franco, Dona Raimunda, Alemão, Dona Conceição, Dinair, Seu José, Sérgio, Dona Carmelita, Lúcia, Edilson e Dona Coló. Através deles, nós parabenizamos a todos os feirantes que, com seu trabalho, fazem o dia a dia do Ver-o-Peso.

A nossa homenagem ao Ver-o-Peso pelos seus 390 anos estará nas redes sociais da agência a partir deste sábado, 25. Assista, curta e compartilhe. Participe dessa comemoração #veropeso390anos

Deixar uma resposta